Fale agora

Inadimplência escolar: Como diminuir inadimplência na escola

Potencializada pela pandemia, a inadimplência escolar é um assunto que está em alta e muitas instituições de ensino procuram diferentes estratégias para reduzir o número de clientes com dividendos em aberto.

 

Segundo uma pesquisa divulgada pelo portal Terra, a inadimplência média nas escolas já atingiu 20% em 2020.

 

Com uma estatística negativa tão alta, é importante entender quais atitudes podem ser tomadas para que ele não atinja a sua Instituição de Ensino. Mas, caso este já seja o cenário da sua escola, continue a leitura e conheça formas de reverter este cenário.

 

O que é a inadimplência escolar?

 

Definimos como inadimplentes toda pessoa (ou empresa) que não realiza o pagamento acordado entre as partes – empresa e consumidor – dentro das datas combinadas.

 

Mas é importante saber a diferença entre inadimplente ou impontualidade de pagamento.

 

Segundo a jurisprudência, a inadimplência só ocorre após 90 dias sem a constatação do pagamento, antes desse período, a falta do pagamento é vista apenas como impontualidade, desta forma, não é possível tomar medidas jurídicas antes do período determinado.

 

De qualquer forma, mesmo que a sua Instituição de ensino não consiga tomar medidas legais sobre as mensalidades atrasadas, é de extrema importância ter o controle da sua carteira de clientes inadimplentes, para que ações menos agressivas sejam tomadas a fim de diminuir o índice de inadimplência na sua escola.

 

Como evitar a inadimplência nas escolas?

 

Existem diversas estratégias que você pode colocar em prática no setor financeiro da sua Instituição de Ensino, tudo vai depender do momento financeiro vivido na sua empresa, o tamanho e porte da sua escola e o que faz mais sentido para vocês.

 

Vamos falar sobre algumas estratégias aqui, analise todas com precisão e se precisar de ajuda, conte com nossos especialistas para mais dicas! Fale conosco através deste link!

 

Beneficie quem realiza os pagamento em dia

 

A melhor estratégia para diminuir a inadimplência é evitar que ela comece!

 

Pode parecer lógico, mas em grandes casos não é. Isto porque muitas empresas não beneficiam os alunos, pais ou responsáveis de alunos que fazem o pagamento em dia de suas mensalidades.

 

E quando falamos sobre benefícios, ele não precisa ser apenas um desconto no valor da parcela, ele pode ser desde um programa de fidelidade com resgate de recompensas, um canal exclusivo de atendimento, ou qualquer outra exclusividade oferecida a este grupo.

 

Isso pode ser um grande incentivo para que os clientes coloquem o pagamento da sua Instituição de Ensino como prioridade.

 

Utilize um sistema de gestão de recebimentos

 

Um software, como o Portal de Boletos by Luna, que possibilita a integração com seu ERP ou a inserção em lote das suas cobranças, é ideal para uma gestão escolar mais estratégica, onde é possível controlar todos os valores que o contas a receber precisa verificar, além de otimizar o seu processo de cobrança.

 

Com um sistema que permite a emissão de notificações de forma automática, o fluxo de cobrança se torna automatizado, evitando erros ou esquecimentos pela sua equipe financeira.

 

Além disso, o Portal de Boletos by Luna conta com o portal do pagador, um link exclusivo para seus clientes acessarem e conseguirem verificar todas as mensalidades pagas, as pendentes, diferente meios de pagamento como o boleto, pix ou cartão, além de conseguir a segunda via atualizada das cobranças automaticamente, sem precisar da intervenção humana para esse processo.

 

Tente oferecer uma nova forma de pagamento para os clientes inadimplentes antes de dar desconto

 

Em casos de inadimplência, é muito comum a renegociação da dívida já vir com um desconto para incentivar o pagamento da mesma.

 

Mas, essa é uma opção que pode ser utilizada em último caso, já que a sua Instituição de Ensino estará perdendo dinheiro com essa proposta.

 

O ideal é que sua equipe de cobrança possa oferecer diferentes formas de pagamento do dividendo antes de partir para ações mais agressivas, como o desconto.

 

Caso sua mensalidade seja cobrada por boleto, uma opção interessante é oferecer o pagamento parcelado do valor através do cartão de crédito.

 

Ou diluir essa parcela nas outras parcelas que ainda restam sobre a prestação do serviço.

 

Muitas opções podem surgir dessa mentalidade, o importante é chegar em um acordo que beneficie sua empresa e não prejudique seu cliente, a fim de manter um bom relacionamento com o mesmo!

 

Cobrança recorrente: como inserir esse modelo de cobrança na minha instituição de ensino?

 

A cobrança recorrente é um modelo que se baseia na recorrência, como o próprio nome diz. Ou seja, é a cobrança automatizada sobre a prestação de um serviço que foi contratado sem uma data fim próxima.

 

Hoje existem grandes empresas que já trabalham com esse modelo, como a Netflix, o Spotify, e até mesmo o Duolingo Plus.

 

Esse é um modelo de cobrança bastante benéfico para as empresas, já que ele se baseia na comodidade para o cliente e para a empresa prestadora de serviço.

 

Quando é realizado através do cartão de crédito ou de débito, também se torna muito vantajoso para ambas as partes.

 

Para o cliente, ele terá certeza da efetivação do pagamento, não correndo o risco de ficar em falta com a empresa contratada.

 

Para a Instituição de Ensino, é a garantia do pagamento em dia, diminuindo as possibilidades de inadimplência e ações voltadas para a recuperação desse valor.

 

É possível inserir a cobrança recorrente na sua escola utilizando o Portal de Boletos by Luna, assim você diversifica sua forma de recebimento e cobrança além de possibilitar um acompanhamento muito mais próximo da sua carteira de clientes!

 

Fale agora mesmo com nossos especialistas e acabe com a inadimplência na sua instituição de ensino!